Bandeiraço de 07 de setembro

Bandeiraço Nacional da Independência

 

Em 2015, um grupo de amigos, no Rio de Janeiro, decidiu comparecer à parada militar munidos de suas bandeiras Imperiais. Nesse momento, nasce o Bandeiraço!

O Bandeiraço nasceu, pelo menos nos registros que tenho, aqui no Rio, mas uma ideia tão boa, não poderia se manter retida a apenas uma cidade… Num país tão castigado pelo presidencialismo republicano, essa pequena chama, nascida na antiga capital do Império, espalhar-se-ia rapidamente, na verdade se espalhou com mais velocidade do que eu e você esperávamos, não é mesmo?

Já no ano seguinte, o que era uma pequena chama, de fato conseguiu incendiar o Brasil.

Seguiu-se uma ideia… se no Rio o Bandeiraço já teve boa repercussão, por que não convidar outras cidades para um mesmo ideal: restaurar o Parlamentarismo monárquico no Brasil!

A proposta era excelente, mas… como faríamos isso? Como achar esses monarquistas? Será que vão aceitar isso? Vão achar loucura?

Confesso que no início não fora nem um pouco fácil, mas também foi longe de ser difícil! Pude ver o quanto o desejo de unidade era latente, já que o apoio vinha sempre com muita facilidade e, quando não vinha, era por desconhecer ou não saber o que fazer.

A primeira ferramenta utilizada foi o whatsapp. Havia, na época, um grupo chamado Ave Império que foi nosso passo inicial e nosso acesso aos mais diversos grupos!

Primeiramente me apresentei e expliquei a ideia, como havia vários monarquistas ali, imaginava que seria fácil e que logo que responderiam… mas não foi bem assim. Como quase todo grupo de whatsapp com mais de 100 pessoas, minhas mensagens se perdiam na multidão e quase ninguém via. A primeira estratégia não deu apenas errado, deu totalmente errado.

Precisava mudar! Mas o que fazer se ninguém me respondia? Ser cara de pau, então!

Fui vendo o número de cada usuário e comecei a entrar em contato direto, primeiro com os administradores e depois de forma aleatória e, dessa vez, deu certo!

Pronto, já tínhamos nos organizado. Segundo passo: divulgação.

Fizemos postagens – bem organizadas! – com as cidades, local e horário, para divulgar no whatsapp… mas ainda assim, a repercussão era pequena .. até que …

Uma pessoa que edita a página da Pró-Monarquia abraçou a ideia! Quando digo que abraçou… abraçou a ideia de verdade! Três veículos importantes alavancaram a divulgação, o canal TV Imperial, a página Diga Sim à Monarquia e a PRÓ-MONARQUIA! Isso mesmo, a Pró-Monarquia divulgou em sua página no Facebooke!

Pulamos de uma cidade para 16 cidades! Isso mesmo, saltamos para 16 cidades no primeiro ato coordenado de monarquistas!

Dessa organização, surgiu um grupo – Bandeiraço Nacional – que reúne uma liderança de cada estado ou cidade e, cada líder, fica encarregado de organizar o Bandeiraço localmente e depois passar as informações ao grupo Nacional. A coordenação nacional do Bandeiraço apenas divulga, mas não tem poder deliberativo o qual é 100% local.

Em 2016, o Bandeiraço já foi um sucesso!

Canais da mídia vieram saber quem eram aquelas pessoas com Bandeiras “desconhecidas”, participantes vieram conversar e muitos, que vieram pela divulgação feita por mídia social, agregaram-se ao movimento! Tivemos também a presença, no Rio, do príncipe D. Pedro Alberto, que tirou foto com monarquistas, representou a Família Imperial e chamou mais atenção ainda!

Como sempre digo: “A onda monarquizante não para de crescer!”.. e não para mesmo!

Nesse ano, o Bandeiraço Nacional da Independência rompeu as barreiras e foi comemorado também em Nova Iorque, durante o Brazilian Day! E aqui? Ao todo, houve divulgação de 34 cidades e com número de participantes superior ao do ano passado.

  1. Antônio participou no Rio, caminhou com monarquistas e fez um belo discurso!
  2. Bertrand participou em São Paulo, juntamente com seu sobrinho, D. Rafael que aliás gravou um vídeo chamando todos os brasileiros para o Bandeiraço. Não preciso nem dizer que o vídeo viralizou pelo whatsapp em segundos, demonstrando a apreço que a população tem pela Família! Na página da Pró-Monarquia, a chamada do príncipe atingiu mais de 6mil visualizações!

Em pelo menos 36 cidades houve registro de Bandeiraço, com suas publicações divulgadas em várias páginas monarquistas – nem vou citar nomes para não esquecer ninguém! – organizados por diferentes grupos, Círculos, organizações etc, numa perfeita união!

Mas não vamos parar por aí! É preciso romper com mitos criados pelos republicanos para justificar seu governo ilegítimo! Para novembro teremos …. Bom, fica para a próxima edição.

Rodrigo BrasileiroDestaques de da capa edição de outubro

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: